19 de dezembro de 2015

Somos todos descartáveis?

Hoje acordei com o coração apertado. Final de ano, momento inevitável para reflexões. Me lembrei das pessoas que ficaram para trás. Mas me lembrei ainda mais […]
19 de dezembro de 2015

A crise e o Natal

_ “Olha, a matéria pode não ter muitos acessos. Acho que a crise afetou o espírito de natal”! Foi assim que a minha editora reagiu ao […]
6 de dezembro de 2015

Violadas pelo Estado Islâmico

Ontem um canal de televisão brasileiro exibiu, durante 24 horas, programas e documentários sobre o Estado Islâmico, que foi um verdadeiro serviço de informação e história. […]
22 de novembro de 2015

Rocambole de escritor

            Ontem, meu chefe, diretor de uma multinacional, me disse: “Você é muito criativa, esse espaço aqui é muito pequeno para […]
22 de novembro de 2015

Vida é impermanência

            Durante uma palestra de um monge budista, onde o mesmo falava de amor e relacionamentos, ele disse: “O budismo não […]
22 de novembro de 2015

Um par de meias para o morador de rua

Naquele dia, eu não queria ter ido ao trabalho. Era mais uma manhã após uma noite insone. Dias e noites consecutivas de um cansaço que me […]
3 de novembro de 2015

Entre a arrogância e a simplicidade

Hoje, apesar de ter sido de forma amorosa, senti profunda tristeza ao ouvir que era uma pessoa simples demais. Quem me fazia esta afirmação agia de […]
3 de novembro de 2015

Olhando a vida por uma fresta

A frase acima me chamou a atenção, quando uma terapeuta fez referência às pessoas que não possuem coragem de viver. Uma vez que a vida não […]
3 de novembro de 2015

Sua filha nasceu para ser Princesa

Num determinado vídeo, um pai trata sua filha como uma “princesa”. Ele puxa a cadeira para que ela se sente à mesa, abre a porta do […]
3 de novembro de 2015

Feliz aos 40!

            Lá pelos meus quatorze anos de idade, eu achava que talvez fosse melhor morrer cedo do que chegar aos quarenta. E pior: continuar envelhecendo. A […]
3 de novembro de 2015

A importância do auto validar-se

Desde os dez anos de idade, já era elogiada pelo que escrevia: crônicas e poesias que costumava escrever ainda em letra de mão. Uma professora costumava […]
3 de novembro de 2015

O beijo que dei em meu pai

Meu pai sempre foi turrão. Aos setenta e cinco anos de idade, ele já sabia a um tempo que tinha problema na vesícula. Mas quem disse […]