31 de julho de 2016

O despertador

            Recentemente ouvi a afirmação, de que não existe nada pior no mundo do que um despertador. Não pelo barulho em […]
25 de julho de 2016

O que eu vou mudar em minha vida

            Ao invés de passar o resto da noite no sofá, com o objetivo de me restabelecer para o dia seguinte, vou apreciar mais a minha […]
25 de julho de 2016

Servir ou desservir?

                  A primeira vez em que ouvi o termo “desserviço”, eu ri. Se tratava de uma conclusão de […]
25 de julho de 2016

A penitência pela nossa juventude?  A juventude de nossos filhos!

              Se num passado distante, podemos nos lembrar das discussões e argumentações com nossos pais, certamente no presente, temos a fresca memória de tudo que […]
16 de julho de 2016

Lesões afetivas

    Nada nos machuca mais do que as lesões afetivas, as feridas que ficam na alma. Mais do que dor física, a falta de amor, […]
8 de julho de 2016

Tinder: encontros e desencontros!

    O aplicativo Tinder é mais um, entre vários meios, que promovem encontros amorosos de forma virtual. Entre sites, redes sociais e salas de bate […]
8 de julho de 2016

O altruísmo muda o mundo

                Sabemos o caos da sociedade em que vivemos. Na maioria das vezes parece haver mais coisas erradas neste mundo do que certas. E […]
7 de julho de 2016

Autenticidade sim, por favor!

           Palavra da moda em redes sociais, autenticidade não é de verdade para muitos. Ou se tem ou não. Não existe meio-termo. […]
7 de julho de 2016

Olhando para frente!

                 Quando tudo à nossa volta parece não estar indo bem, como focar os pensamentos em algo bom? O […]
18 de junho de 2016

Amor líquido – Sobre a fragilidade dos laços humanos

               A obra do sociólogo polonês Zygmunt Bauman não impressiona apenas pelo nome e pela capa. De uma leitura não […]
11 de junho de 2016

Nise O coração da loucura

                Viver neste momento da história um problema psicológico ou psiquiátrico não parece algo drástico e nem “fora de moda”. Vivemos numa era onde […]
4 de junho de 2016

Numa sociedade que humilha, os gentis ainda encontram seus caminhos

               Não bastassem os bullings da infância e as dificuldades de sermos aceitos na fase adolescente, com o tempo percebemos […]